Ser cristão é ver Jesus!!!

Ser cristão não é nada além do que imitar o Cristo que nós vemos. 

Ser cristão é ver a Sua Majestade e imitá-lo!!!

Bob Evans foi cego por 50 anos, não podia ver nada. O mundo era negro apenas com sons e cheiros. Ele caminhou 5 décadas na escuridão.

Uma complicada cirurgia o permitiu ver! Descobriu que nunca teria sonhado que o amarelo era tão amarelo. Não tinha palavras. Amava o amarelo, mas sua cor favorita era o vermelho. Podia ver agora o formato da lua, o vôo do avião, o nascer e o por do sol, as estrelas no céu. Nunca poderia imaginar como eram bonitas essas coisas.

Bob Evans não é o único que gastou a vida perto de coisas, mas que nunca as via. Poucas são as pessoas que não sofrem de algum tipo de cegueira. Interessante, não é? Podemos estar próximos de alguma coisa a vida inteira e nunca nos focarmos nela e não termos tempo para que ela se torne parte da nossa vida.

Pense. Apenas porque vimos várias chuvas, não significa que tenhamos visto a grandeza de alguma. Podemos viver perto do jardim e perder o foco da beleza das flores. Um homem pode gastar a vida inteira com uma mulher e nunca parar para olhar dentro de sua alma.

Podemos ser  bons e nunca termos visto o Autor da vida. Podemos ser honestos, moralmente corretos ou religiosos e nunca termos visto a Deus. Vemos o que outros viram Nele ou ouvimos o que outros ouviram Dele, mas até vermos por nós mesmos, até termos a nossa própria visão, a  realidade  que vemos será cinza e escura.

Você tem visto Jesus?

Tem vislumbrado a Sua Majestade?

A Palavra é a abertura para se ver a sua face. Ouvimos um versículo em um tom que nunca tínhamos ouvido antes ou um caminho se desvenda  onde nunca tínhamos pensado, como se a nossa vida fosse um monte de peças de um quebra-cabeça . Alguém toca a nossa  carência espiritual como somente um enviado por Deus poderia fazer, lá está Ele: Jesus!

Aqueles que primeiro o viram nunca mais foram os mesmos:

- “Meu Senhor e meu Deus”chorou Tomé.

-”Eu vi o Senhor!”exclamou Maria Madalena.

-”Temos visto a Sua glória”declarou João

- “Não sentíamos o nosso coração queimando enquanto falava?”declaram os discípulos no caminho de Emaús.

- Pedro disso  ainda melhor: “Nós fomos testemunhas da Sua Majestade.”

Sua majestade, todo o esplendor dos céus relatado num corpo humano. Por um período curto, as portas da sala do trono foram abertas e Deus chegou perto. Sua majestade foi vista. O paraíso tocou a Terra e como resultado a Terra pode ver o céu. O corpo humano foi casa da Divindade. A Divindade e a Terra interagiram.

Você tem visto Jesus?

Se as nossas orações são repetitivas, se a nossa visão Dele está indefinida, se não conseguimos descobrir poder em face dos nossos problemas, talvez seja tempo de vê-lo.

Importante: O que acontece com a pessoa que testemunha a Majestade de Jesus é que ela se torna um dependente. Uma olhada no Rei e se é consumido pelo desejo de O ver mais e de dizer mais sobre Ele.

Escolher esquentar banco da igreja não tem mais nada a ver, o blá blá blá religioso não basta, a sensação de procura não é mais necessária. Uma vez que O vimos, iremos sempre vê-lo outra vez.

A minha oração é para que o Divino Cirúrgião use seus delicados instrumentos para restaurar nossa visão e que sejamos testemunhas oculares da Sua Majestade. Amém!

Max Lucado 

Share
Posted in reflexao by agnes at August 21st, 2013.
Tags: