João 13 – “O Lavar os Pés”

João 13: 34-35   Um novo mandamento lhes dou: Amem-se uns aos outros. Como eu os amei, vocês devem amar-se uns aos outros. Com isso todos saberão que vocês são meus discípulos, se vocês se amarem uns aos outros”.

Como se reconhece um discípulo de Jesus ? Pela roupa? Pela linguagem?E como se reconhece o membro de uma igreja? Por que Jesus lavou os pés dos discípulos? O que Jesus falou especificamente para Pedro?Jesus queria mostrar humildade?

 O significado espiritual do “Lavar os pés” é a própria expressão do servir e do amor. Não por lei, nem ritual.Um discípulo de Jesus não é reconhecido por nenhum fator externo, mas interno.

 V. 10 “Respondeu Jesus: “Quem já se banhou precisa apenas lavar os pés; todo o seu corpo está limpo. Vocês estão limpos, mas nem todos”.

 O que é ser lavado inteiro? É ser lavado pelo sangue de Jesus.

 E o significado de Jesus lavar os pés? É remover a sujeira do pecado , do mundo e da carne. O mundo está corrompido, no caminhar vamos sendo contaminados.

 Condições para o lavar dos pés:

 v. 1-4 “Um pouco antes da festa da Páscoa, sabendo Jesus que havia chegado o tempo em que deixaria este mundo e iria para o Pai, tendo amado os seus que estavam no mundo, amou-os até o fim.

Estava sendo servido o jantar, e o diabo já havia induzido Judas Iscariotes, filho de Simão, a trair Jesus.
Jesus sabia que o Pai havia colocado todas as coisas debaixo do seu poder, e que viera de Deus e estava voltando para Deus; assim, levantou-se da mesa, tirou sua capa e colocou uma toalha em volta da cintura.”

Jesus repete várias vezes que iria à Jerusalem para morrer e morrer na cruz. Ele avisou. Símbolo de maldição, a pena de morte mais cruel. A cruz nos lembra que Jesus veio ao mundo para nos salvar e para isso pagou um preço muito alto. A cruz revela um Deus que nos ama de tal maneira que escolheu seu próprio filho para sofrer no nosso lugar. Deus é quem nos purifica. Jesus nos amou até o fim, ao máximo. Ele fez tudo.

 Passos a serem dados:

- 1. Amar

- 2. Se despir ( glória, realizações, ser transparente, não se colocar numa posição de superioridade.)

 1 Joã0 1: 7-8 “Se, porém, andamos na luz, como ele está na luz, temos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus, seu Filho, nos purifica de todo pecado. Se afirmarmos que estamos sem pecado, enganamo-nos a nós mesmos, e a verdade não está em nós.”

Ser cheio do Espírito Santo é ser cheio de amor. Deus é amor. O Espírito Santo é amor. Ser cheio do Espírito é ter amor.

- 3. Amarrou uma toalha. Fomos libertos da lei, do pecado e do mundo, mas nos amarramos muitas vezes pelo nosso irmão. Somos servos e procuramos a felicidade do irmão.

 Como lavar os pés?

V.5 “Depois disso, derramou água numa bacia e começou a lavar os pés dos seus discípulos, enxugando-os com a toalha que estava em sua cintura.”

A água na Bíblia significa: Espírito Santo, a Palavra viva, a vida eterna de Deus ( Zoé).

João 15:3 “Vocês já estão limpos, pela palavra que lhes tenho falado.”

Efésios 5:26 “para santificá-la, tendo-a purificado pelo lavar da água mediante a Palavra.”

Como a Igreja é lavada? Pela Palavra.

 Tito 3:6 “não por causa de atos de justiça por nós praticados, mas devido à sua misericórdia, ele nos salvou pelo lavar regenerador e renovador do Espírito Santo, que ele derramou sobre nós generosamente, por meio de Jesus Cristo, nosso Salvador.”

 O lavar os pés significa o que? É amar ao próximo como a si mesmo , é dar a sua vida pelo outro.

Como? Lavando os pés mostrando humildade? O lavar dos pés tem a ver com a igreja, um com o outro. Esse é o exemplo que Jesus está nos dando. Amar ao irmão como Jesus amou é muito superior. Para se ter comunhão nossos pés precisam ser lavados. Para lavar os pés dos irmãos precisa ter um relacionamento de amor. O sangue nos purifica e o Espírito Santo é a água que nos lava na caminhada.

Por que? Para limpar a terra, precisamos tirar o pó da pé. Nosso corpo foi feito do pó da terra.

 Gênesis 2:7 “Então o Senhor Deus formou o homem do pó da terra e soprou em suas narinas o fôlego de vida, e o homem se tornou um ser vivente.”

Gênesis 3:14 “Então o Senhor Deus declarou à serpente: “Já que você fez isso, maldita é você entre todos os rebanhos domésticos e entre todos os animais selvagens! Sobre o seu ventre você rastejará, e pó comerá todos os dias da sua vida.”

 Toda vez que estamos na carne, estamos alimentando um demônio, estamos mesmo cultivando um demônio. Demônios se alimentam do pó da terra. Esse pó é a sujeira da carne. Porque vivemos no mundo, nos relacionamos com pessoas, podemos não pecar, mas nos contaminamos com o pecado do outro. Por isso o lavar dos pés .Por isso um irmão orando pelo outro, exortando na Palavra, um lavando o outro. Essa é a igreja que Jesus instituiu.


Conclusão:

Não conseguimos perdoar os pecados dos outros, nem os outros perdoarem os nossos pecados. Duas pessoas num lamaçal não conseguem limpar uma à outra. Precisamos de alguém limpo, é por isso que precisamos de Jesus.

Brigamos pelo sucesso. Julgamos e condenamos. Competimos. Somos egoístas e queremos ganhar sempre. Não gostamos do que o outro fez e, assim, pegamos nossas coisas e saímos ofendidos.

Tão perto do cruz, mas tão longe do sangue. Tão perto da cruz, mas tão longe do Cristo.

Nossas diferenças nos separam tanto assim? Nossas opiniões são tão soberanas ? Nossos muros são tão largos?

Que todos sejam um”, Jesus orou.

Jesus deu a Sua vida por nós, tudo o que precisamos são corações dispostos a seguir o seu exemplo.

Somos capazes de construir pontes? Jogar uma corda? Cobrir um abismo?

Não é todo dia que encontramos alguém que nos dê uma segunda chance, ainda mais alguém que nos dê uma segunda chance todos os dias. Jesus está dando, recomece, deixe o que para traz ficou e prossiga para o alvo, corrigindo o que pode ser corrigido, e caminhando para o alvo. Nosso Deus não é acusador, Ele é o nosso libertador e Salvador!!!! 

Share
Posted in biblia, estudo by agnes at August 6th, 2014.