Vencendo o Gigante.

Salmos 147:3   “Só ele cura os de coração quebrantado e cuida das suas feridas. “

Davi teve um grande Gigante a enfrentar e assim como ele, cada um de nós também tem um Gigante interior a enfrentar. Pode  ser: medo, angustia, ansiedade, raiva, baixa auto-estima…. Na maioria das vezes, só a pessoa sabe o que está sentindo, ninguém mais, ela segue vivendo mal, dias e mais dias sofrendo em silêncio. O que é mais triste é que muitos acabam se acostumando a viver assim, deixando que um verdadeiro Gigante mine qualquer alegria, qualquer momento de paz ou de felicidade. Esse Gigante interior pode ter surgido e crescido de um abandono, rejeição, abuso, desapontamentos… uma série de situações que feriram, não foram tratadas e acabam  controlando toda a vida e impactando futuros relacionamentos.

 A primeira coisa que se deve fazer é dar nome a esse gigante, dar nome ao que está causando tanta dor e trazendo consequências destrutivas no dia-a-dia. A segunda coisa, que iremos ver nesse estudo a ser feita é pedir ajuda. Pedir ajuda é pedir alguma coisa que não poderíamos fazer por nós mesmos, algo que precisamos fazer, mas precisamos da assistência de alguém porque por nós mesmos não conseguimos executar. Suponhamos que estejamos doente, o que fazemos? Vamos ao médico. O carro estraga? Se vai ao mecânico…em muitos situações da vida precisamos de ajuda. Davi sabia que sozinho não conseguiria vencer o Gigante Golias, precisava pedir a Deus e sabia que Deus o daria na sua mão, por isso ele foi enfrentar Golias. O mesmo é verdadeiro para nós. Precisamos de ajuda para o que não conseguimos fazer sozinhos e se não o fazemos, problema pode ir se agravando. Na dor e sofrimento das nossas emoções, não procuramos ajuda por causa de orgulho. Achamos que podemos manejar sozinhos e não reconhecemos que precisamos de ajuda. A tendência é achar que os outros precisam de ajuda , mas nós não., nunca dizemos: preciso de ajuda!

Para pedir ajuda precisamos saber se o ajudador não é a pessoa errada. Para ajudar precisa:

- Desejar ajudar; pode ser um amigo…

- Querer  ouvir; uma dor precisa ser falada, colocada  para fora.

-Ter condições de  ajudar; é capaz. Nada pior, do que alguém ouvir a dor de uma pessoa e no final dizer : é horrível mesmo ! E não fazer nada, não ter capacidade para ajudar…

-Ser de confiança;  precisa confiar na pessoa em que está expondo a situação, precisa ser de confiança, estável emocionalmente para que não use a situação em momentos negativos contra você. Nunca se exponha a qualquer pessoa.

-Sincero. Irá falar a verdade, não o que agrada e a pessoa gostaria de ouvir. Quando se procura um médico, preferimos um médico que diga que estamos bem ou um que diga realmente o que temos para que nos tratemos? Nos diga o nome da enfermidade e o tratamento necessário .

Deus tem todas essas condições!!!!

Salmos 34:18   “O Senhor está perto dos que têm o coração quebrantado e salva os de espírito abatido. “

Salmos 147:3    “Só ele cura os de coração quebrantado e cuida das suas feridas. “

Isaías 53:4   “Certamente ele tomou sobre si as nossas enfermidades e sobre si levou as nossas doenças, contudo nós o consideramos castigado por Deus, por ele atingido e afligido.”

Lucas 4: 18,19   “O Espírito do Senhor está sobre mim, porque ele me ungiu para pregar boas novas aos pobres. Ele me enviou para proclamar liberdade aos presos e recuperação da vista aos cegos, para libertar os oprimidos e proclamar o ano da graça do Senhor”. 

Hebreus 4: 14-16   “Portanto, visto que temos um grande sumo sacerdote que adentrou os céus, Jesus, o Filho de Deus, apeguemo-nos com toda a firmeza à fé que professamos, pois não temos um sumo sacerdote que não possa compadecer-se das nossas fraquezas, mas sim alguém que, como nós, passou por todo tipo de tentação, porém, sem pecado. Assim sendo, aproximemo-nos do trono da graça com toda a confiança, a fim de recebermos misericórdia e encontrarmos graça que nos ajude no momento da necessidade. “

Jesus passou por tudo que passamos aqui na Terra. Ele teve grandes desapontamentos:  Pedro, era seu discípulo por 3 anos, e disse que nem o conhecia; Judas esteve com Ele 3 anos e o traiu.

Vá a Deus com a sua dor! Peça ajuda a Ele !!!!

Mas Como? Algumas condições precisam ocorrer quando se pede ajuda a Deus. Quais são elas? Precisamos :

- Orar honestamente. Deus sabe todas as coisas , mas Ele quer que sejamos honestos quando formos dizer o que está doendo por dentro.

Salmos 88: 1-4   “Ó Senhor, Deus que me salva, a ti clamo dia e noite. Que a minha oração chegue diante de ti; inclina os teus ouvidos ao meu clamor.Tenho sofrido tanto que a minha vida está à beira da sepultura! Sou contado entre os que descem à cova; sou como um homem que já não tem forças. “

-Orar prestando atenção.Quando vamos ao médico precisamos deixar o médico dar a avaliação e a prescrição, precisamos ficar quietos. O mesmo ocorre  com Deus no sofrimento da alma, qual é o diagnóstico que Deus vai nos dar?

Habacuque 2:1   “Ficarei no meu posto de sentinela e tomarei posição sobre a muralha; aguardarei para ver o que ele me dirá e que resposta terei à minha queixa. “

- Orar com Esperança. Orar confiando em Deus.

Isaías 40: 28-31 “Será que você não sabe? Nunca ouviu falar? O Senhor é o Deus eterno, o Criador de toda a terra. Ele não se cansa nem fica exausto, sua sabedoria é insondável. Ele fortalece ao cansado e dá grande vigor ao que está sem forças.Até os jovens se cansam e ficam exaustos, e os moços tropeçam e caem; mas aqueles que esperam no Senhor renovam as suas forças. Voam bem alto como águias; correm e não ficam exaustos, andam e não se cansam. “

- Orar sem cessar. Continuamente e constantemente até a resposta chegar. Um sofrimento na alma não é curado instantaneamente, é curado progressivamente.

Lucas 18:1   “Então Jesus contou aos seus discípulos uma parábola, para mostrar-lhes que eles deviam orar sempre e nunca desanimar.

- Orar com o corpo de Cristo. Pessoas que tenham maturidade e entendem e vivem o poder de Deus.

Mateus 18: 19-20   “Também lhes digo que se dois de vocês concordarem na terra em qualquer assunto sobre o qual pedirem, isso lhes será feito por meu Pai que está nos céus.Pois onde se reunirem dois ou três em meu nome, ali eu estou no meio deles”.

Tiago 5:16   “Confessai as vossas culpas uns aos outros, e orai uns pelos outros, para que sareis. A oração feita por um justo pode muito em seus efeitos. ”

Gálatas 6:1-3   “Irmãos, se alguém for surpreendido em algum pecado, vocês, que são espirituais deverão restaurá-lo com mansidão. Cuide-se, porém, cada um para que também não seja tentado. Levem os fardos pesados uns dos outros e, assim, cumpram a lei de Cristo.Se alguém se considera alguma coisa, não sendo nada, engana-se a si mesmo. ”

-Orar submisso e humildemente. Se não nos submetemos ao médico nunca ficaremos curados. Submissão é ação.

João 2:5   “Sua mãe disse aos serviçais: “Façam tudo o que ele lhes mandar”. 

A mãe de Jesus respondeu submissivamente a Deus dizendo para que simplesmente obedecessem a Jesus no que Ele mandasse fazer.

Se você reconhece alguma área de sua vida que precisa ser tratada, vá agora ao Senhor dos senhores, que tem todo o poder e quer nos curar. A partir de agora, no nome de Jesus, começa a cura. Amém!!

Pastor Dale 

Share
Posted in biblia, estudo by agnes at March 26th, 2013.
Tags: ,